domingo, 9 de dezembro de 2007

Saudades de Lisboa


ALFAMA

Alfama de cacos pintados de tintas e trocas e ventos no rio de pontos picantes e pontas de faca e alpaca de Alfama com alma de alfafa e gente de fama que cai na galhofa do pátio da esquina da feira da ladra de cacos picantes e contas correntes de tretas e pintas de gente com laca nas pontas da fama e ventos de faca que cortam Alfama de portas pintadas com a fama do fado.

(Nuno Rebelo - in Mler If Dada, Coisas que Fascinam)
Nota: Roubado ao RAA, no Abencerragem.

7 comments:

RAA disse...

:)

av disse...

Adoro Lisboa. Sempre que lá vou (ontem estive no Chiado, ainda por cima)fico com enormes saudades de viver lá. Depois passa-me, quando o trânsito me faz perder quase uma hora para percorrer 2 km...
Mas, por momentos, não lhe encontro um único defeito.
Roubei-lhe este post por esse motivo, além de ter gostado imenso da descrição de Alfama.
Obrigada.

leonor disse...

Só vivi em Lisboa no tempo de faculdade, mas depois trabalhei lá 7 anos e continuo cheia de sauadades, tantas que, da última vez que precisei duma declaração, pedi ao meu marido que lá fosse só para não me confrontar com o que tinha perdido :(

Sofia disse...

Belo texto!
Pois eu adoro Lisboa e como hoje é Domingo gosto do silêncio, do barulho de um carro ou outro a passar de fugida, dos risos das crianças nos jardins e do vazio das ruas, como se a cidade fosse só minha... mas gosto assim, porque sei que amanhã a cidade acorda bem mais cedo do que eu e com ela uma imensidão de gente que corre ou que voa entre um carro, um autocarro e um metro... E eu gosto tanto dela assim - agitada e viva!

Alfama? Adoro, as noites dos Santos populares e as jantaradas na Baiuca, onde somos família, onde o taxista e a cozinheira cantam o fado e onde só bebe quem não vai conduzir! Tenho de lá voltar...

beijinhos

av disse...

Percebo-te muito bem, Leonor. Por aqui (Estoril, Sintra, Mafra) o ritmo é muito mais saudável, a qualidade de vida é inegavelmente melhor, mas isso não impede que eu tenha saudades de Lisboa, que adoro. E alguma agitação também sabe bem às vezes. Concordo que hoje em dia a cidade está um caos, que gera um stress imparável, mas tenho saudades na mesma. Nada feito!

Sofia, Lisboa ao fim de semana e em Agosto é uma delícia!!

Beijos às duas

manuel teixeira disse...

Gosto.
Muito.
Além de Lisboa,
Do texto que roubaste
E a aqui afixaste.
Acertaste.

Manel

av disse...

Eu sei.
Também acho.
Um beijo.