sexta-feira, 5 de outubro de 2007

A verdadeira pérola

Um jovem cherne contra o "ensino burguês" que era oferecido ao cardume.

O mesmo ensino, aliás, que fez dele o tubarão que é hoje.

Video descaradamente roubado no Cão com Pulgas, do Pedro Aniceto.

6 comments:

Didas disse...

E a roupinha era péssima!

ana vidal disse...

Didas,
é verdade, mas a moda era fatal nesses anos...

Pedro Cordeiro disse...

O cherne hoje está mais gordo e mais cinzento (veste melhor, mas dantes, pelo menos, dava para rir). Mas não esqueceu certos ensinamentos da cartilha... os conteúdos vão variando ao sabor das marés e do que lhe convém, mas nos métodos - para quem tenha atenção à sua trajectória nas últimas décadas - nota-se-lhe bem a escolinha mêrrêpêpê. Blargh!

ana vidal disse...

Alguns tiques não se perdem, Pedro. Por outro lado, os maus hábitos aprendem-se num instante. Apesar de tudo, nesta época parecia mais genuíno.

manuel teixeira disse...

Não é uma pérola só, é um colar delas !
* * *
Em seu abono: só não muda de ideias quem as não tem, ou... para melhor muda-se sempre.
E de carapau de corrida, para cherne, para tubarão, é uma mudança radical quiçá na rota certa (?!)

ana vidal disse...

Não sei se é a rota certa, Manel, mas concordo contigo que só não mudam os idiotas. Mudar, afinal, é um sinal de inteligência.