terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Gostei


A revista literária brasileira Nós - Fora dos Eixos noticia hoje o prémio recebido pelo meu livro "A Poesia é para Comer".
Desculpem a imodéstia, mas... gostei de ver, claro.

11 comments:

ratatoiulle disse...

Ana
Isto são só prémios e só reconhecimentos públicos d'aquém e d'além mar. Estás imparável. Parabéns.
Deu-me gozo ver noutro dia, na Fnac Colombo, este teu livro à venda. Na secção de gastronomia, claro. Senti-me orgulhoso, claro. Quase que me apeteceu dizer ao vizinho do lado que era a melhor compra que ele podia fazer. Pela poesia, pelas receitas (a minha preferência, claro) e pela ideia sublime de juntar as duas.
Parabéns, outra vez, gastrónoma-poeta.

av disse...

Olá, Ratatouille, long time no see...
Obrigada pelo entusiasmo. Dá muito gozo, claro, ver o nosso trabalho reconhecido. Sobretudo quando deu mesmo MUITO trabalho, como é o caso deste livro. E quanto à Fnac, acredita que deves ter visto o último exemplar à venda. A primeira edição está completamente esgotada e não sei quando sairá outra, pelo menos por cá. No Brasil parece que é este ano, finalmente.
Um beijo

Sofia disse...

Realmente que falta de imodésta... ;)

Não conhecia a revista, mas de repente o título parece-me familiar e adequado... Tu percebes, não percebes? ;)

beijinhos

av disse...

Sofia,

"Imodéstia" à parte, repito: quem é que não gosta de ver um trabalho reconhecido?
Quanto ao resto, é sempre bom estar com um pé fora e outro dentro dos eixos, para nos equilibrarmos melhor. Assim conhecem-se os dois mundos.
Repara na ironia do título da revista: a frase "fora dos eixos" está fechada dentro do círculo. Ou seja, "dentro dos eixos". Tem piada, não tem? Gosto de gente com imaginação.
beijinhos

Carlota disse...

Eu também gostei, Ana. Muitos parabéns!
(Quanto ao teu livro, está na minha lista para a próxima vez que for a Portugal.)

JuliaML disse...

Que cabeça a minha!! Leio em diagonal tudo e depois tramo-me...

Não é imodéstia, é amar-se o que se faz e bem!
Parabéns, Ana, adivinho quanto interessante será o livro que já tinha ouvido falar há muitos meses atrás.

beijinho

av disse...

Carlota,
Obrigada. Não sei quando vens a Portugal, mas lamento dizer-te que é pouco provável encontrá-lo: o livro esgotou em todo o lado, para já. Haverá uma nova edição, mas não sei quando.

Júlia, é um livro engraçado porque tem um conceito original.

Um beijo às duas

RAA disse...

Muitos parabéns, vizinha! Conheço-o de nome, vou procurá-lo, talvez ainda tenha sorte.

sem-se-ver disse...

:))))))

JG disse...

Tenho que ir ver ao livro se há lá "Travesseiros de Sintra" poéticos. É desses que vão acompanhar o nosso café?

Parabéns, amiga.
Mereces tudo. Até a imodéstia, que uma ova :))))

Beijo

av disse...

Raa,
Obrigada. Talvez ainda haja algum na Galileu, em Cascais.

JG,
No livro não os encontras, mas aqui na Piriquita há sempre que cheguem para acompanhar um cafezinho. Temos que combinar isso um dia destes. E obrigada.

Bjs aos dois