quinta-feira, 31 de maio de 2007

Reformados


Recebi hoje de manhã, via e-mail, este texto humorístico (??!!) do jornalista Joaquim Fidalgo.

Leiam e meditem. Seria até motivo de orgulho para nós, portugueses, se esta situação fosse extensível a todos os desafortunados que já passaram dos 40 anos e procuram desesperadamente um emprego, de humilhação em humilhação.

Valha-nos o humor negro...


REFORMADOS ACTIVOS - SOMOS OS MELHORES

Ao menos num capítulo ninguém nos bate, seja na Europa, nas Américas ou na Oceânia: nas políticas sociais de integração e valorização dos reformados. Aí estamos na vanguarda, mas muito na vanguarda. De acordo, aliás, com estes novos tempos, em que a esperança de vida é maior e, portanto, não devem ser postas na prateleira pessoas ainda com tanto a dar à sociedade.
Nos últimos tempos, quase não passa dia sem que haja notícias animadoras a este respeito. E nós que não sabíamos! Ora vejamos:
  • O nosso Presidente da República é um reformado;
  • O nosso mais "mortinho por ser" candidato a Presidente da República é um reformado;
  • O nosso ministro das Finanças é um reformado;
  • O nosso anterior ministro das Finanças já era um reformado;
  • O ministro das Obras Públicas é um reformado;
  • Gestores activíssimos como Mira Amaral (lembram-se?) são reformados;
  • O novo presidente da Galp, Murteira Nabo, é um reformado;
  • Entre os autarcas há "centenas, se não milhares" de reformados - garantiu-o o presidente da ANMP;
  • O presidente do Governo Regional da Madeira é um reformado (entre muitas outras coisas que a decência não permite escrever aqui)
E assim por diante... Digam lá qual é o país da Europa que dá tanto e tão bom emprego a reformados? Que valoriza os seus quadros independentemente de já estarem a ganhar uma pensãozita? Que combate a exclusão e valoriza a experiência dos mais (ou menos...) velhos? Ao menos neste domínio, ninguém faz melhor que nós. Ainda hão-de vir todos copiar este nosso tão generoso "Estado social"...
Joaquim Fidalgo (Jornalista)

3 comments:

Mad disse...

O teu blog é para ler, não para se comentar. E é assim que deve ser. Pelo que eu vejo, a maioria dos outros parece quase um concurso a ver quem tem mais comentários...
Está tudo em licença sabática voluntária e eu vou ter que tirar uma a partir de terça-feira que vem - que remédio.
Razão tem o JP: bora deixar de usar isto como chatroom.
Bjs,

JG disse...

Subscrevo o que o Mad disse. Quanto a mim, nem sequer sei fazer comentários que não sejam as trivialidades habituais. Tenho horror ao lugar-comum e portanto prefiro ler e ficar calado.

Gostei da visita e deste blog. Vai para a minha lista branca.

Beijo, se me é permitido

av disse...

Obrigada, JG. Acredite que é uma honra estar na sua lista branca. Quanto ao seu blog (aliás, aos vários), já são de visita obrigatória para mim.

Devolvo o beijo
(claro que é permitido!)

Ana